Severino Cajazeiras é entrevistado no programa “Contexto Geral”

O programa “Contexto Geral”, transmitido pela TV União, recebeu o secretário de Atendimento à Comunidade, Severino Cajazeiras. Na ocasião, o chefe da pasta que integra o governo de Ibaneis Rocha (MDB) no Distrito Federal, contou um pouco de sua trajetória, pessoal e profissional, que é considerada como estímulo de sucesso.

Natural da cidade de Cajazeiras, município situado no Alto Sertão da Paraíba, o secretário iniciou a sua participação se apresentando e contando como veio, e se instalou no Distrito Federal. “Cheguei aqui em 1974 e fui morar no Setor Oeste do Gama. Trabalhei como empacotador de supermercado, mas nunca deixei de estudar. Em 1981 eu prestei vestibular e passei em todos os vestibulares: Economia, Administração, Direito, Contabilidade e Medicina. Escolhi Direito por vocação porque eu queria ser advogado, no entanto, fui mais que advogado, hoje eu sou professor”, disse.

Um dos principais temas de destaque da entrevista foi o atual trabalho de Severino Cajazeiras: Secretário de Atendimento à Comunidade. O secretário contou como surgiu a ideia da criação de uma pasta governamental que tem como foco reduzir as reivindicações dos brasilienses e, ao mesmo tempo, aproximar o governo das diversas comunidades de todos os cantos do DF.

“O governador me convidou para ser secretário de Atendimento à Comunidade, onde estou até o momento. Exerço um cargo único no Brasil, diga-se de passagem. Esta é uma secretaria que dá voz e vez àqueles que não têm voz, aqueles que muitas vezes não tem mecanismos para chegar aos órgãos do governo. Na Secretaria o brasiliense é ouvido, pois queremos andar ao lado da comunidade, do líder comunitário, das pessoas que buscam por melhorias para o DF diariamente”, explicou.

Durante a sua participação no programa, Cajazeiras deixou um recado motivador às pessoas que almejam um sonho. “Uma coisa que todo jovem, que toda criança tem que ter é: quando você não tem dinheiro você tem que ter ideias e isso é inteligência. A inteligência é a mesma para o rico e para o pobre e essa inteligência vem da vontade da gente crescer, melhorar”. 

Trajetória no Direito

Durante a entrevista, Cajazeiras explanou seu currículo, demonstrando vasta experiência em atuação na advocacia em diversos órgãos públicos, inclusive participando de perto do nascimento político da “casa do povo do DF”, a Câmara Legislativa. Além dos trabalhos, Cajazeiras também falou sobre a sua vida na docência em várias instituições renomadas do DF.

Fiz concurso para a Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf). Fiquei lá até 1994, e durante esse período eu fui auxiliar administrativo, assistente administrativo, advogado, chefe da secretaria dos órgãos colegiados da Codevasf. Posteriormente fui requisitado para a Câmara Legislativa, no início da autonomia política do DF, quando foram criadas as primeiras eleições aqui no DF. Depois fiz o primeiro concurso que teve para a Telebrás em 1994. Assumi o cargo de advogado tributarista e fiquei até 1999, quando fiz concurso para o Metrô-DF. Além da vida profissional, desde 1988 fui professor de várias instituições de ensino daqui do DF. Dentre elas o UniCEUB, Unieuro, IESB, Projeção, UPIS, Processus entre outras”, mencionou.   

Sobre o programa

O “Contexto Geral”, transmitido na TV União, é apresentado no formato de entrevista, e no qual personalidades da política, justiça, entre outras áreas falam sobre sua trajetória e opiniões.