Iges-DF implanta atendimento psicológico para colaboradores

Já está em pleno funcionamento  a parceria que o Iges-DF formalizou com o Innovamente Saúde para fazer atendimento psicológico a todos os seus colaboradores. O objetivo é fornecer consulta profissional individual ou em grupo, para melhorar a saúde mental dos profissionais nesse momento de pandemia da Covid-19.

Segundo Sergio Costa, presidente do Instituto,  “esse suporte psicológico é parte do investimento que o Iges-DF faz, para garantir que todos trabalhem com maior segurança e mais saúde”. Disse ainda ser essa uma preocupação com os colaboradores que atuam nas unidades de saúde: profissionais de limpeza, atendimento, administrativo, segurança e profissionais de saúde. “Todos merecem nossa atenção e cuidados. Somos uma equipe e agimos como equipe”, afirmou.

Para Kelly Jordany, gerente de enfermagem da UPA do Recanto da Emas, “é muito importante o atendimento englobar todos os profissionais da unidade nesse momento de pandemia”. Segundo ela, “as áreas dentro de uma unidade são integradas. O trabalho de um, reflete no todo. É importante que todos estejam bem”.

Para Maria Aparecida, técnica de enfermagem da UPA do Recanto das Emas, o serviço de psicologia ajudou no retorno ao trabalho. “Eu estava de licença porque tive Covid. Cheguei e fui recebida pela equipe de psicologia, um suporte que nos ajuda a perder o medo e ter mais segurança pra retornar”, acrescentou.

Não haverá limitações para o número de atendimentos e o agendamento será feito dentro de cada unidade, nos três turnos. Segundo Tauane Ferreira, coordenadora clínica do  projeto Iges-DF Innovamente,” a iniciativa visa melhorar a saúde mental dos colaboradores tanto no trabalho quanto no convívio com os familiares, permitindo que tenham mais tranquilidade nesse momento de tensão devido a Pandemia.”

Para Kenia Maria, técnica de enfermagem da UPA de Sobradinho, e que já foi atendida pela equipe de psicologia, “o apoio nesse momento de tensão é muito importante pra quem atua na linha de frente das unidades de saúde  e nos alivia um pouco da preocupação que a Covid causa, inclusive nos nossos familiares, de quem estamos afastados”.