Turismo do DF mapeia rotas e inaugura CAT Revista Brasília
DF

Turismo do DF mapeia rotas e inaugura CAT

Revista Brasília | Setur-DF  -   14 de junho de 2021

Uma nova caravana do programa Turismo em Ação foi realizada, abrangendo a região administrativa do Lago Sul. Em sua sétima edição, o circuito itinerante da Secretaria de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF) desenvolveu uma série de atividades para promover e dar visibilidade aos pontos turísticos locais de rara beleza e paz que merecem ser visitados, especialmente pelos próprios moradores de Brasília.

As atividades do programa itinerante iniciaram com a inauguração do 11º Centro de Atendimento ao Turista (CAT) do DF, na sede da Administração Regional do Lago Sul. Ao todo, dez CATs foram colocados em funcionamento na atual gestão.

Quatro deles estão também em regiões administrativas (Gama, Sobradinho, Ceilândia e Riacho Fundo II). Para melhor atender o visitante, a Setur-DF promove um curso de capacitação aos servidores. Durante a inauguração do CAT, a secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça, e o administrador regional do Lago Sul, Rubens Santoro, entregaram certificados de conclusão do curso a três servidoras.

O CAT é a porta de entrada para receber e dar informações sobre os pontos turísticos da cidade. Profissionais capacitados ajudam a traçar um roteiro para o turista, envolvendo os locais ecológicos, esportivos e religiosos mais interessantes para visitação, incluindo produtos, serviços e artesanato.

O novo espaço seguirá os padrões de outros CATs já existentes no Distrito Federal. O horário de atendimento do CAT/Lago Sul será de acordo com o período de funcionamento da Administração Regional, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Os CATs localizados em outros locais como aeroporto, rodoviária interestadual, Setor Hoteleiro Norte, Setor Hoteleiro Sul e na Casa de Chá na Praça dos Três Poderes têm atendimento todos os dias, inclusive feriados e fins de semana, das 9h às 18h.

Diversidade turística

Vanessa Mendonça pontuou que o programa tem por objetivo mostrar a diversidade turística de uma Brasília que poucos conhecem. “Estamos na sétima edição do Turismo em Ação e vamos valorizar tudo de melhor que essa região oferece. O Lago Sul é uma cidade muito especial pela sua variedade de pontos turísticos e experiências que oferece. Temos aqui templos e igrejas maravilhosas que fortalecem o turismo religioso. Temos parques, cachoeiras e trilhas incríveis, que ampliam o ecoturismo e turismo de aventura. Temos a Ermida Dom Bosco, pelo turismo de contemplação. Temos o turismo náutico, que é dado pelo maior patrimônio de Brasília, o Lago Paranoá”, exemplifica.
O administrador do Lago Sul parabenizou a inciativa em prol do setor, que gera empregos e divisas e ainda permite que as pessoas conheçam mais a cidade onde moram. “Abrir as portas do Centro de Atendimento ao Turista, espaço cedido pela Administração Regional para a Secretaria de Turismo realizar a sua missão, significa trazer para aqueles que visitam a cidade um conhecimento mais amplo das belezas e das qualidades do Lago Sul”, afirmou Rubens Santoro.

O Turismo em Ação vai estruturar e organizar os roteiros turísticos do Lago Sul em formato de miniguia impresso, com textos em português e inglês, e na versão virtual disponibilizado no site da Setur-DF, com rotas no Google Earth, permitindo que o visitante tenha novas experiências muito além do que a grande maioria imagina de Brasília.

Compartilhe