Governo Bolsonaro aprova financiamento de R$ 47,8 milhões para produzir novos remédios contra câncer

 

O governo Bolsonaro, através do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), aprovou financiamento de R$ 47,8 milhões para a indústria farmacêutica EMS S.A. Os recursos servirão para implantar uma unidade produtiva de medicamentos injetáveis oncológicos em Hortolândia, na região de Campinas (SP).

A nova planta permitirá a conclusão pela EMS do desenvolvimento de medicamentos contra o câncer. Além do aumento da oferta deste tipo de tratamento no país, há possibilidade de sua disponibilização pelo Sistema Público de Saúde, o que ampliaria ainda mais o acesso à terapias oncológicas pela população.

A participação do banco de fomento no investimento corresponde a 80% do valor total, que é de R$ 59,8 milhões.

redacao@colunapolitica.com.br | Ronaldo Nóbrega